Nosso time comercial está pronto para você, qual a sua dúvida?

Cinco opções de exercícios físicos para colocar na rotina em 2020

Para começar o novo ano em movimento, veja ideias democráticas e em conta no quesito gastos (ou até sem custo algum). Também aproveite este mês de janeiro para definir metas e colocar fim às desculpas e ao sedentarismo. Da flexibilidade à coordenação motora, veja os ganhos para a saúde que cada prática pode proporcionar. 

1. Correr

Esporte versátil, pode ser feito praticamente em qualquer lugar. Se você é iniciante, pode começar caminhando e intercalando breves tiros em maior velocidade. O legal é ter um calçado apropriado para a prática para não correr o risco de lesão. Use roupas confortáveis e leves e, se for correr na rua, não se esqueça do filtro solar e dos óculos de sol.

2. Pular corda

Quem não brincou disso quando era criança, não é mesmo? Com um pequeno investimento 

(a corda), você também pode realizar esse exercício físico em qualquer lugar. Os saltos são atividades com gasto calórico elevado, e talvez você nem consiga pular por muito tempo no início. Com a prática, você vai ganhando agilidade e condicionamento e aumentando o tempo. Pode ser que, nas primeiras vezes, você tenha mais dificuldades de coordenação motora para sincronizar os saltos com os movimentos dos braços, mas não desista. Pode ser praticado com ou sem calçados. Mas, se não for usar tênis, cuide para que a superfície não seja muito rígida ou para que não tenha objetos que podem cortar ou machucar os pés.

3. Ioga

Em alta atualmente, o ioga é uma prática completa (e fundamental, na minha opinião). Trabalha aspectos como flexibilidade, equilíbrio e coordenação que muitos exercícios não acionam, além da força. Também condiciona a respiração e o aquietamento da mente, a percepção do corpo e do presente, buscando a calma e a tranquilidade. Ou seja, vai na contramão dos outros exercícios que estamos acostumadas a ver por aí. O legal é ter um tapetinho próprio para a prática (yoga mat), mas não é essencial. Eu mesma comecei praticando em um tapete da minha casa. E, aproveitando essa época de calor, práticas ao ar livre, em parques ou na praia, ainda pode-se usar toalhas e cangas. 

Para vestir, prefira roupas leves e que permitam movimentos amplos, e use os cabelos presos, pois temos posturas com a cabeça para baixo (mesmo para iniciantes).

4. Salto pliométrico

A pliometria é um tipo de exercício que envolve o alongamento das estruturas musculares previamente à sua rápida contração. O salto pliométrico aumenta a potência do salto, trabalha mais a musculatura e as estruturas conectivas (tendões e ligamentos) e gasta mais calorias. Para iniciar, você deve treinar a aterrisagem do salto, sempre lembrando de amortecer a queda usando a flexão dos joelhos e dos quadris e cair primeiro com a ponta dos pés para depois baixar o calcanhar. Para realizá-lo, você deve fazer um meio agachamento, saltar puxando os joelhos para cima e aterrissar em um meio agachamento novamente. Mantenha sempre o abdômen contraído.

5. Polichinelos

Esse tipo de exercício é antigo, mas nunca sai de moda. Tem um gasto calórico interessante, treina o componente cardiovascular e a coordenação de forma importante. E é mais uma dica de exercício que pode ser feito em qualquer lugar e sem necessidade de equipamentos. 

Você pode, inclusive, alterar a versão tradicional (abrindo e fechando lateralmente as pernas e os braços) com outras opções, por exemplo, cruzando as pernas para trás e para frente em movimento de tesoura, ou abrindo e fechando os braços horizontalmente na altura dos ombros. Novamente, por ser tratar de saltos, lembre-se sempre de aterrissar amortecendo o movimento.

Raquel Lupion é formada em Nutrição e Educação Física, tem especialização em Nutrição Clínica e Mestrado em Ciências do Movimento Humano. Sua motivação é promover um estilo de vida saudável, fugindo de radicalismos e tentando encontrar o caminho do meio entre o que é necessário e o que é prazeroso. Na vida profissional, divide seu tempo entre atender em consultório, dar aulas de ioga, palestrar e ministrar cursos. 

Fonte: gauchazh

Youtube

Conheça nosso Youtube

TREINE EM CASA

Não pare por aí

Veja mais